Arthur Virgílio condena aproximação de tucanos com Bolsonaro

Posted by

No último sábado(09), Arthur Vírgilo, prefeito de Manaus que esteve presente na convenção nacional do PSDB condenou aproximação de tucanos com Bolsonaro. Durante discurso ao falar que iria disputar as prévias para candidato à presidência da república com Geraldo Alckmin, Virgílio foi vaiado, porém, reagiu com ironia citando o pré-candidato de direita à Presidência, Jair Bolsonaro, a quem se referiu como “machista, fascista e  homofóbico”.

Arthur Virgilio

“Muito bem. Vaiem à vontade. Mas acho de mau gosto vaiar a mim. Vaiem o Bolsonaro. E me aplaudam se eu derrotar o Geraldo Alckmin”, disse Arthur Virgílio.

O pré-candidato ainda acusou o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva de “organizar” a corrupção e “tomar o País de assalto” e falou da “mediocridade binária” entre Lula e Bolsonaro, líderes nas pesquisas de intenção de voto. “Isso não vai dar certo”, afirmou. O Prefeito pediu que a sigla realize prévias para definir o candidato à presidência.

Virgílio disse que o PSDB errou muito e que deve percorrer o País “purgando seus pecados” atrás da confiança do povo brasileiro, que hoje enxergam os tucanos com desconfiança. O prefeito enfatizou que a legenda precisa “cortar na carne” e “saber punir os seus”. “O PSDB precisa recuperar sua coragem e lucidez”.

O tucano pediu que o PSDB foque nos próximos meses no arco de alianças, sem PMDB e PP. “O PSDB não tem só um candidato, tem dois. Alckmin e Athur Virgílo Neto”, avisou.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s